Extintores

Conheça os tipos de incêndio e quais os extintores de incêndio usados em cada caso

Os tipos de incêndio são classificados de acordo com o material gerador do fogo, ou seja, o agente causador; podendo ser dividido em 5 tipos:

  • Incêndio tipo A: tem como fonte materiais sólidos como papel, tecido, algodão, borracha e madeira. Nessa classificação o extintor indicado para combater um incêndio é o de água, a qual penetra e resfria o conteúdo e o local. 

  • Incêndio tipo B: tem como agente causador líquidos inflamáveis, são eles óleo, gasolina, querosene, graxas, tintas e álcoois, cuja combustão deve ser contida com extintores de incêndio de pó químico seco, extintores de incêndio de gás carbônico ou extintores de incêndio de espuma mecânica. 

  • Incêndios tipo C: são ocasionados pela combustão de equipamentos elétricos energizadas, como máquinas elétricas, quadros de força, transformadores, computadores e outros e outros equipamentos que precisam ser ligados à rede elétrica. Nesses casos, deve ser utilizado os extintores de incêndio de pó químico seco AB e ABC e os extintores de incêndio de CO2. 

  • Incêndios tipo D: são aqueles ocasionados por metais pirofóricos como o potássio, o magnésio, o titânio, o lítio e o sódio, os quais promovem reação em cadeia exigindo o uso de extintores de incêndio específicos carregados com pó químico  adequado para cada tipo de metal.

  • Incêndios classe K: ocorrem em cozinhas industriais, devido à presença de produtos e gorduras como banha e óleos, os quais têm forte combustão, gerando grandes danos materiais e humanos.